TENTE OUTRA VEZ - Adriane Colerato

TENTE OUTRA VEZ - Adriane Colerato

TENTE OUTRA VEZ - Adriane Colerato

  • Por Humanae
  • Publicado em: 23/01/2017

     Em vários momentos da nossa vida nos deparamos com dilemas e situações que nos fazem mudar a direção do caminho que estamos percorrendo. Talvez naquele momento mudar é a decisão correta a ser tomada, mas ela não precisa ser definitiva, podendo ser somente uma pausa para na hora certa retornarmos ao ponto que paramos. Ao retornarmos em nossa caminhada estamos mais maduros e conscientes que estamos no caminho certo.

     Recomeçar é acreditar que você realizou algo de bom e tem que ser refeito e revivido, pois cada um de nós tem um potencial de renovação, aspecto indispensável para recriar e transformar sonhos e ambições. Nossa ansiedade, nossos medos e nossas angustias fazem com que não entendermos que nosso tempo interior ocorre diferente que o tempo cronológico que estamos acostumados a vivenciar.  Recomeçar marca o fim de um ciclo para um início de um novo ciclo em nossas vidas.

            “Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode recomeçar e fazer um novo fim.”

      Seguindo a frase de Chico Xavier, entender se algo está errado podemos recomeçar e refazer quantas vezes forem necessárias para encontrarmos o nosso lugar no mundo. Recomeçar é um ato de coragem, pois não é fácil olhar para nossos erros e encarar o fracasso sendo necessário para avaliar o caminho a ser percorrido agora com mais sabedoria e menos expectativas.

            Seguindo a canção de Raul Seixas

Tente Outra Vez

Veja
Não diga que a canção está perdida
Tenha fé em Deus, tenha fé na vida
Tente outra vez

Beba
Pois a água viva ainda está na fonte
Você tem dois pés para cruzar a ponte
Nada acabou, não não não não

Tente
Levante sua mão sedenta e recomece a andar
Não pense que a cabeça agüenta se você parar, 
não não não não
Há uma voz que canta, 
uma voz que dança, 
uma voz que gira
Bailando no ar

Queira
Basta ser sincero e desejar profundo
Você será capaz de sacudir o mundo, vai
Tente outra vez

Tente
E não diga que a vitória está perdida
Se é de batalhas que se vive a vida
Tente outra vez